Um cordel? Ora, não precisava se incomodar…

Imagem

Guarulhos “toda” talvez não conheça
Afinal é difícil ocupar
Ainda que já seja “seu” o espaço
Mesmo assim precisa brigar
Estou falando de Jacques Miranda
Um ser humano exemplar

Criativo e muito humano
Focado em compartilhar
Esse cara de grandes ideias
E que não tem medo de mostrar
Afinal é tão grande a bagagem
Que mais parece uma máquina de criar

Jacques queria te agradecer
A gentileza de em mim acreditar
Hoje posso te dizer
Que é difícil de encontrar
Gente boa como você
Que se preocupa em doar

Não sei se isso me surpreende
Afinal já é de se esperar
Que alguém como você
Tenha tanto para dar
E torço tanto por você
Que sua fonte nunca há de secar
Afinal quem não tem “chuculatêra”
Não toma café nem chá

Te gosto muito!

Presente que recebi hoje do amigo Rolemberg Araujo que – como um bom e ufanista baiano, me escreveu este cordel em agradecimento pela amizade.

Existem coisas que não se tem explicação…

Um dos posts mais acessados na estatística deste blog com o tema ALGUMAS PESSOAS SÃO TÃO POBRES QUE SÓ TEM DINHEIRO (https://jacquesmiranda.wordpress.com/2012/04/19/algumas-pessoas-sao-tao-pobres-que-so-tem-dinheiro/), foi escrito por acaso logo depois de um café com este amigo há exatos 1 ano e 19 dias. Aliás, como já diria Vinícius, tem amizades que não precisam estar fisicamente, bastam ser sentidas.

Esta é uma dessas amizades.

Anúncios

Uma consideração sobre “Um cordel? Ora, não precisava se incomodar…”

Muito obrigado pela sua leitura.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s